domingo, 31 de maio de 2009

Para fazer uma pregação é preciso viver o que fala?

Antes de começar a postar... vamos rir um pouco:

TURMA DO CHAVES DANÇANDO - "ELE VEM"




Eu tinha que colocar esse vídeo... o Kiko dançando é o melhor!!! hahahahaha

Bom galera... falando sobre o título de hoje estava ontem a noite depois do JAREC com o Piqui e o Álvaro do JHS conversando sobre várias coisas e um dos assuntos foi sobre pregação. Confesso que tenho muita vontade de pregar... mas não me sentiria vontade em falar sobre coisas que tenho dificuldde de viver por exemplo sobre a leitura diária, o jejum... mas sei que tem muita gente que fala sobre assuntos bem piores e que não vivem o que falam... aí que está pessoal! Acho que ninguém está errado nessa história!!!

Lembrando que todos nós somos pecadores, falhamos e insistimos em erros, aqueles que não se sentem a vontade de falar buscam ser exemplo de superação dos limites pessoais... aqueles que falam A e vivem B... por um lado evitam que as pessoas não caiam nos mesmos erros e essa pessoa que já sabe o que deve fazer tem que fortalecer ainda mais em oração, se fortalecer no contato com Deus para que se levante de vez! :)

E vocês amados(as) o que acham?

Fiquem com Deus

Um comentário:

Paula disse...

A pregação é algo muito importante, porque é preciso que as palavras cheguem até o coração das pessoas levando à reflexão e até à conversão. Por isso, eu acredito que os pregadores devam estar em constante oração para que o Espírito Santo possa dirigi-los. Muitas das vezes, eu vejo que não há espontaneidade e sim palavras de um texto decorado. Fiquem com Deus e no amor de Maria...